Stub Network

Linux, Debian & etc

Debian e Accel-PPP

Fala gente, segue aqui mais um post legal, abaixo vou deixar 3 videos ensinando como instalar o Debian que vai servir de base para o PPPoE-Server usando Accel-PPP!

 

 

 

 

Instalação do Debian Wheezy em raid “misto” via Software (mdadm)

Hoje vou mostar como instalar o Debian usando 3 discos em raid, o método que vou mostrar é bem diferente do que é usado comercialmente hoje em dia. Eu venho a um tempo prestando serviços que demandam de uma boa disponibilidade dos recursos do servidor, o método convencional é útil mas nunca me agradou, trabalhei muitos anos na área de atendimento a clientes corporativos em uma empresa e tive péssimas experiências com este método. Acho pouco flexível e complexo demais para fazer uma coisa simples como, por exemplo, substituir um disco do array. Usando linux, não necessariamente o Debian, é possível utilizar múltiplos arrays de “volumes” nos mesmos discos, não ficamos presos a um único pool de discos. Outro ponto que quero destacar é a NÃO necessidade de hardware desenvolvido especificamente para servidor, todos sabem que a realidade de nossos clientes nem sempre é a mais confortável financeiramente, mas mesmo com todas essas dificuldades é possível oferecer um serviço de qualidade com hardware simples, que bem configurado mostra um poder incrível. Claro que existem casos onde hardware simples não deve ser incentivado e muito menos usado em produção, fica a dica!

A arquitetura é simples, neste caso usei uma máquina virtual para fazer o vídeo demonstrativo, criei 3 discos de 500G, e friso que este é o modo que eu uso para hospedar maquinas virtuais com XEN. No vídeo percebemos que eu defino um volume de RAID nível 1 com 3 partições de 50G e um volume de RAID nível 5 com 3 partições que detém o restante do espaço de cada disco. Em um outro momento farei um post explicando a estrutura de virtualização que eu uso em meus clientes. Mas o primeiro passo é entender corretamente o post atual sobre a instalação utilizando raid via software.

Bom divertimento!

 

 

Debian Jessie – Terminal Transparente (gnome-terminal versão 3.14)

Se não estou enganado, à partir da versão 3.14 o gnome-terminal não tem o suporte a transparência no plano de fundo, desde que comecei a usar o Debian e descobri que era possível usar este magnifico recurso gostei e me acostumei com ele, agora depois de algumas pesquisas feitas achei um patch que é facilmente aplicado ao código fonte do gnome-terminal disponivel nos repositórios do Debian. Resolvi compartilhar, pode ter alguem ai que goste.

Eu gosto de usar a pasta abaixo para deixar o código que vou alterar, então:

cd /usr/local/src/

Preparamos os sistema:

apt-get install build-essential linux-headers-$(uname -r) debhelper

Depois instalamos as dependencias para a compilação:

apt-get build-dep gnome-terminal

Chegando neste ponto sem problemas, teremos grandes chances de conseguir!
Gosto de criar uma pasta com o nome do pacote:

mkdir -p gnome-terminal

Entramos nela:

cd gnome-terminal

Vamos baixar o arquivo com o código do patch, vou deixar abaixo um link para download também:

wget http://wordpress.stubnetwork.com.br/wp-content/uploads/2015/07/transparency-gnome-3-14.patch_.tar.gz

Agora extraimos ele:

tar -zxvf transparency-gnome-3-14.patch_.tar.gz

Agora pegamos o código fonte do pacote:

apt-get source gnome-terminal

Entramos na pasta com o fonte:

cd gnome-terminal-3.14.1

Agora temos que aplicar o patch, vou deixar um link abaixo para que seja possível fazer o download:

patch -p 0 < ../transparency-gnome-3-14.patch

Se tiver uma reposta igual a essa é só compilar e empacotar:

    patching file src/org.gnome.Terminal.gschema.xml
    patching file src/profile-editor.c
    patching file src/profile-preferences.ui
    patching file src/terminal-schemas.h
    patching file src/terminal-screen.c
    Hunk #1 succeeded at 764 (offset 14 lines).
    Hunk #2 succeeded at 825 (offset 14 lines).
    Hunk #3 succeeded at 858 (offset 25 lines).
    patching file src/terminal-window.c
    patching file src/terminal-window.c

Pronto já esta aplicado, agora compilamos e empacotamos, em dois comandos respectivamente:

./debian/rules build
./debian/rules binary

Va tomar um cafézinho ou trabalhar de verdade um pouco… Quando voltar, se não tiver acontecido nenhum erro, devem ter sido criados, dentro do diretório anterior, dois arquivos .deb um chamado gnome-terminal-data_3.14.1-1_all.deb e gnome-terminal_3.14.1-1_amd64.deb. Vamos instalar eles:

cd ../
dpkg -i gnome-terminal*.deb

Se até aqui nenhum erro aconteceu, meus parabéns você conseguiu só falta configurar, vamos lá:

Abra uma janela do gnome-terminal, vá em Editar >> Preferências do Perfil
Na nova janela que abriu vá em Cores e ali está: Use transparent background

post-gnome-term-transp

Forte Abraço!
André

Começando Agora!

Agora vamos ter um blog público para postar novidades e curiosidades envolvendo o dia a dia do administrador de redes, espero poder compartilhar o máximo com todos, desde já agradeço a colaboração e a compreensão!

Forte abraço.

André

© 2017 Stub Network

Theme by Anders NorenUp ↑